Aquathlon em Copacabana encerra a temporada 2018

 

Antonio Bravo venceu a prova e sagrou-se campeão na Junior

O evento contou com cerca de 120 participantes nas categorias adulto e infantil/infanto e definiu o ranking final da modalidade.

Na prova infanto-juvenil (12 a 15 anos), aconteceu um erro no controle de retorno e os atletas, que deveriam correr 1000 metros, acabaram percorrendo o dobro, o que causou uma frustração inicial, mas que foi contornado de forma satisfatória com a definição de três empates com a mesma pontuação. O ranking automático gerado pelo sistema não permite empates mas o ranking final produzido manualmente já contorna este problema técnico e apresenta os empates em algumas posições.

A prova principal foi ganha pelo favorito, o atleta de Juiz de Fora Antonio Ferraz Bravo Neto, da equipe Vidativa, que completou a prova com o tempo de 31min04s, à frente de Wagner Romão (EBTri) com o tempo de 33min02s e Kawan Machado com 33min39s.

No feminino a já veterana Karen Krichanã da cidade de Araruama, fechou a prova com 36min39s à frente da revelação do ano, a jovem Marcela Mello com apenas 14 anos de idade, com 36min54s e Pollianna Carvalho, da equipe Viviane Feder, com 39min30s.